BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Desembargador Federal barroquense, inaugura memorial sobre sua trajetória como magistrado

Dr. Antônio Ezequiel da Silva - Fotos: Judy Fotos
O Desembargador Federal aposentado, Antônio Ezequiel da Silva, conhecido por Dr. Antônio, inaugurou junto a familiares e amigos, o memorial sobre a sua trajetória na magistratura, o evento foi realizado na noite do sábado (2), em salão especialmente preparado para exposição de fotos e itens que ajudam a contar sua história de vida. No local no alto de umas das paredes se lê a seguinte frase:
"Na minha infância de menino pobre, que lavrou a terra com as próprias mãos, não me era dado sequer sonhar que, um dia, pudesse chegar ao menos a ser Juiz Federal, menos, ainda Juiz de um Tribunal Federal, sediando na Capital do País e cuja competência territorial abrange, além do Distrito Federal (Bahia, Minas Gerais, Goiás, Tocantis, Mato Grosso, Piauí, Maranhão, Pará, Amazonas, Acre, Amapá, Roraima e Rondônia)".

Antônio Ezequiel nasceu em Barrocas, na Fazenda Bela Vista da Espera, zona rural
do povoado da Barreira.
Sobre o Memorial, Ezequiel afirmou que trata-se da realização de um sonho: "me surgiu em uma visita que fiz a um amigo que foi alto funcionário da Justiça Federal, e que organizou uma Memorial com fotos da sua trajetória, numa fazenda onde foi morar após aposentado, no interior do Estado de Goiás, bem próximo de Brasília. A partir daí comecei a colecionar fotografias de todos os eventos, fatos, viagens e congressos jurídicos de que participei".
Filho do casal Procópio Ezequiel da Silva e Agripina Batista da Silva, Antônio Ezequiel nasceu em Barrocas, na Fazenda Bela Vista da Espera, na zona rural do povoado da Barreira. Na infância, fez o curso primário na sede do pequeno distrito, depois cursou o ginasial no Ginásio Estadual Rubem Nogueira em Serrinha, seguindo para Salvador onde fez o curso secundário no Colégio Antônio Vieira.
Álbuns contendo fotografias da sua história de vida, todos catalogados. 
Antonio Ezequiel formou-se em Direito, em 1966, pela Faculdade Federal da Bahia. Em 1978, fez curso de mestrado em Direito na UFBA e, no ano seguinte, especializou-se em Processo, na mesma instituição. Pós-graduado em Direito Eleitoral pela Fundação Faculdade de Direito da Bahia, lecionou na Faculdade de Administração da Bahia e na Faculdade de Educação da Bahia e ainda na Faculdade de Direito da UFBA, todas em Salvador. 

Tornou-se juiz federal titular em 5 de setembro de 1984, assumindo o exercício em Aracaju, onde lecionou na Faculdades de Direito Tiradentes e na Faculdade Federal de Direito. Exerceu a judicatura, inicialmente, na 2ª Vara Federal da Seção Judiciária de Sergipe e, a seguir, na Seção Judiciária da Bahia. A partir de 1996, em virtude de remoção a pedido, passou a exercer suas atividades na Vara Única de Ilhéus, até sua promoção para o Tribunal. Foi empossado no Tribunal Regional Federal da 1ª Região em 30 de março de 2000, pelo critério de antiguidade. 

Dr. Antônio Ezequiel da Silva aposentou-se em 29 de janeiro de 2009.
No TRF, foi presidente da 5ª e da 7ª Turmas e da 3ª Seção. Em 27 de maio de 2008, o ilustre barroquense foi empossado no cargo de Vice-Presidente do Tribunal, tendo nessa condição, assumido a Presidência do Tribunal, em substituição do Presidente no seu mês de atividade, em janeiro de 2009. Antes de ser Juiz Federal, Dr. Antônio Ezequiel foi Procurador do Estado da Bahia, Procurador da República na Bahia e Procurador Regional Eleitoral no TRE da Bahia.

O Memorial montado num prédio histórico, localiza-se na Rua Antonio Alves de Queiroz, próximo antiga Estação Ferroviária, tem disponível para visitação o canto das medalhas, canto das togas, galeria de fotos da sua vida, desde o local de nascimento até o final da sua carreira em Brasília, além de dezenas de álbuns contendo outras fotografias familiares, sociais e da sua vida profissional.

Em seu discurso então pronunciado, destacou a sua participação na luta pela Emancipação do Município de Barrocas, a orientação jurídica dada para regularização legal de Associações Comunitária de Lagoa da Cruz, Alagadiço e Alto da Porteira. No Memorial contém ainda, Placas de Homenagens, diplomas de cursos realizados, livros com cópias de muitas das sentenças que proferiu como Juiz, certificados de aprovações em concursos e de cargos públicos exercidos nos 49 anos de vida pública.
Antes de ser Juiz Federal, Dr. Antônio Ezequiel foi Procurador do Estado da Bahia,
Procurador da República na Bahia e Procurador Regional Eleitoral no TRE da Bahia
Dr. Antônio Ezequiel da Silva aposentou-se em 29 de janeiro de 2009, exercendo em substituição, a Presidência do TRF - 1ª Região. É difícil dizer se é muito ou pouco tempo, mas percebe-se que foram intensos. E a intensidade é uma boa medida. Ela indica muita dedicação e abnegação.
Aposentado, Dr. Antônio Ezequiel retornou imediatamente a Barrocas, sua terra natal, tendo recebido uma homenagem da Câmara de Vereadores e posteriormente recebeu a Comenda Bernardo da Silva, fundador da cidade de Serrinha, dado pela Câmara Municipal daquela cidade, que é a maior Condecoração dada por aquele município. 

O Memorial poderá ser visitado em datas e horários a serem previamente combinados com o próprio Dr. Antônio, ou com a sua sobrinha Maria de Fátima (Fal).
Por Victor Santos - informações OAB DF- Fotos: Judy Fotos

Nenhum comentário: