BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Construir ou Desconstruir?

Há um ponto comum em quem procura DESTRUIR ou DESCONSTRUIR algo: ambos desejam construir algo novo. Mas há uma diferença gritante no CONSTRUIR de quem DESTRÓI e no CONSTRUIR de que DESCONSTRÓI. 

DESTRUIR é descartar absolutamente tudo, sem critério, sem mensurar possibilidades, nem fazer avaliações, ou seja, não é preciso muito conhecimento sobre aquilo que vai ser destruído. Contudo, destruir é fácil, não exige o muito pensar, nem o muito sentir. Já o DESCONSTRUIR é uma tarefa muito mais sofisticada e complexa, eu diria ainda, criteriosa. Exigirá muito trabalho e a noção de que nem tudo precisa ser descartado, apenas uma parte, alguns pontos e/ou aspectos. 

Desconstruir, aliás, é uma tarefa que exige cautela, muita humildade e muito conhecimento, pois se faz necessário reconhecer que o que outrora fora hegemônico, tem algum valor edificante, e é justamente nesse valor reconhecido, que deve-se alicerçar o novo a ser construído. 

Fazendo assim, desconstruindo para construir, mantenho o respeito pela História e uma identidade peculiar ao novo construído. Identidade! Eis a palavra-chave da questão aqui presente. Ter identidade é perguntar-se sobre as origens e a essência e obter da Memória uma resposta segura e fiel sobre o questionamento feito.

Pense nisso. Será que você não tem se esforçado para destruir coisas que na verdade precisam ser desconstruídas? (Hermes Júnior)

Nenhum comentário: