BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

domingo, 30 de dezembro de 2018

Menino de 11 anos morre afogado em tanque na zona rural de Barrocas

Morador da comunidade relatou que o tanque é bastante profundo. Fotos Reprodução
Por volta das 14 horas e 30 minutos deste domingo (30), o menino Luciano Miranda de Oliveira, 11 anos, morreu vitima de afogamento em um tanque de chão localizado a cerca de 200 metros da sua casa, no Povoado de Gitai, Zona Rural do município de Barrocas. Segundo populares que ajudaram no resgate do corpo, nem ele, nem um irmão de 30 anos que estava no local sabiam nadar.

Segundo o motorista Sidney Oliveira Mota, que ajudou nas buscas, ao perceber que Luciano estava se afogando o irmão tentou ajudá-lo, mas também começou a afogar-se, ele conseguiu sair do tanque e correu em busca de ajuda, infelizmente quando moradores do povoado chegaram, o corpo já estava submerso.

"Eu tava na casa de meu pai, quando ouví o irmão dele subir gritando; 'meu irmão morreu afogado'. Aí eu saí correndo pra ver o que tinha acontecido, fui até o tanque pulei dentro na água junto com outros amigos e parentes, foi quando o primo dele achou o corpo, tiramos e eu fiz os procedimentos necessários mais sem resultados", lamentou Sidney que é amigo da família.

Além do conhecido Ney, os primos do garoto: Ronaldo, Glebson e Geovanio, o amigo Leonardo e o irmão Lucas, entraram no tanque para tentar resgatá-lo com vida. Foi um primo de Luciano que localizou o corpo e trouxe até a superfície.

Após as tentativas de reanimá-lo, o menino foi levado para o Hospital Municipal onde foi constatado o óbito. Luciano é filho do senhor Noel e da senhora Marilene, ele estudava na Escola Roque Avelino de Queiroz, no Povoado de Nova Brasília.

@ Nossa Voz Da Redação

Nenhum comentário: