BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

segunda-feira, 3 de setembro de 2018

Não deu! Bahia joga mal e é derrotado pelo Atlético-PR na Arena da Baixada

Depois de ter conseguido o seu primeiro triunfo fora de casa no meio de semana, o torcedor do Bahia teve um choque de realidade. Na tarde deste domingo (02), o Tricolor foi até a Arena da Baixada, em Curitiba, e acabou sendo derrotado pela equipe do Atlético-PR pelo placar de 2 a 0. Com esse resultado, o Furacão deu um salto na tabela e já figura na 9ª posição, com 27 pontos, enquanto o time baiano caiu para a 14ª colocação, com 25 pontos.
A partida teve início com o Bahia dando a entender que não iria apenas se defender. O tricolor conseguiu se lançar ao ataque e fazer um início equilibrado, mas apenas por volta dos 10 minutos iniciais. Depois disso, o Atlético-PR passou a ter mais posse de bola e comandou mais as ações da partida.
O time paranaense pressionou bastante e criou diversas chances para abrir o marcador, entretanto, esbarrou, na maioria das vezes, na atuação do goleiro Douglas. Entre as oportunidades que criou, o time rubro-negro ainda reclamou de pênalti em duas oportunidades, mas o árbitro não marcou nada. O Esquadrão só respondeu no finalzinho, com uma pequena pressão, onde o volante Elton finalizou no canto, para boa defesa do goleiro Santos.
Na segunda etapa o Bahia precisou fazer duas alterações forçadas. O goleiro Douglas e o lateral Bruno deixaram o campo lesionados, para as entradas de Fernando e Nino. Apesar de diminuir a intensidade, o Atlético seguiu com mais volume de jogo e ocupando mais o campo de ataque. Até que aos 22 minutos, Pablo recebeu um passe de Nikão, driblou Lucas Fonseca, e, de fora da área, chutou forte no canto esquerdo para abrir o placar.
Após sofrer o primeiro gol, o Bahia até que tentou se lançar um pouco mais ao ataque, mas foi ineficiente e sequer conseguiu criar boas chances. Por outro lado, o Furacão seguiu com maior domínio do jogo, chegando ao gol adversário, e assim fez o segundo. Aos 32 minutos, Pablo cruzou a bola pelo lado direito e o atacante Rony bateu firme para ampliar o marcador.
Depois do segundo gol marcado o Furacão controlou um pouco mais o seu ímpeto e passou a jogar com o relógio a seu favor. Já o Bahia, mesmo precisando, pouco conseguiu construir ofensivamente e em momento algum conseguiu ameaçar o resultado positivo do adversário.
FICHA TÉCNICA
Atlético-PR 2 x 0 Bahia – Campeonato Brasileiro da Série A (22ª Rodada)

Local: Arena da Baixada, em Curitiba (PR)
Data e horário: Domingo, 2 de setembro, às 16h
Árbitro: Dyorgines José Padovani de Andrade (CBF-ES)
Assistentes: Jorge Eduardo Bernardi e Lucio Beiersdorf Flor (RS)
Cartões amarelos: Elton (Bahia) / Raphael Veiga (Atlético-PR)
Gols: Pablo e Rony
 (Atlético-PR)
Escalação do Atlético-PR:
Santos; Jonathan, José Ivaldo, Léo Pereira e Renan Lodi; Wellington e Bruno Guimarães; Raphael Veiga (Bruno Nazário), Nikão e Marcinho (Rony); Pablo (Bergson).
Técnico: Tiago Nunes.
Escalação do Bahia:
Douglas (Fernando); Bruno (Nino), Tiago, Lucas Fonseca e Léo; Gregore e Élton, Vinícius, Élber e Edigar Junio (Clayton); Gilberto.
Técnico: Enderson Moreira.
Do Portal Galáticos Online/Fotos - Miguel Locatelli/CAP

Nenhum comentário: