BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Homem corta a própria mão após ficar preso em máquina de moer carne

Myron Schlafman mostra como sua mão ficou presa em máquina de moer carne na garagem de sua casa | Foto: KFGO Radio via AP
Myron Schlafman mostra como sua mão ficou presa em máquina de moer carne na garagem de sua casa | Foto: KFGO Radio via AP
Um veterano do Vietnã de 69 anos perdeu a mão depois que ela ficou presa em uma máquina de moer carnes enquanto ele fazia linguiça em sua casa na Dakota do Norte. Ele precisou cortar seu próprio braço esquerdo com uma faca de açougueiro, pouco acima do pulso, para evitar sangrar até morrer. 

Em sua primeira entrevista desde o acidente, que aconteceu em 17 de agosto, Myron Schlafman diz que agradece a dois policiais por salvarem sua vida, por terem aplicado um torniquete antes de uma ambulância chegar e leva-lo a um hospital. “Eu sempre gostei da vida, mas não tanto quanto gosto agora”, disse ele à emissora de rádio KFGO. Schlafman disse que estava retirando um pedaço de carne da máquina, na garagem de sua casa, na cidade de Jamestown, quando acidentalmente pisou em um pedal que ligou o aparelho. “Eu simplesmente olhei e sabia que estava com grandes problemas”, disse ele, que é destro. O osso foi cortado, mas seu braço ainda estava preso por músculos, nervos e pela pele.
Myron Schlafman posa para foto na garagem de sua casa em Jamestown, na Dakota do Norte | Foto: KFGO Radio via AP
Myron Schlafman posa para foto na garagem de sua casa em Jamestown, na Dakota do Norte | Foto: KFGO Radio via AP
Ele pegou a faca, que felizmente estava a seu alcance, e se cortou para poder se libertar. “Se eu tivesse hesitado, teria ficado ali e sangrado até morrer”, afirmou. Schlafman passou nove dias no hospital e foi submetido a três cirurgias. Ele irá colocar uma prótese dentro de alguns meses, quando o processo de cicatrização de sua amputação estiver finalizado. “Seria muito fácil me sentar, sentir pena de mim mesmo e ficar deprimido”, disse. “Eu passei pelo Vietnã. Eu posso suportar isso”.

Do Portal NS/Fonte:Associated Press

Nenhum comentário: