BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Pesquisa indica que eleitores brasileiros estão desapontados e confusos em relação a Eleições

Pesquisa indica que eleitores brasileiros estão desapontados e confusos em relação a Eleições
Foto: Reprodução/ EBC
Uma pesquisa da CNI-Ibope indica que os eleitores brasileiros estão desapontados e confusos em relação as Eleições 2018. Ainda assim, os dados apontam que a maioria das pessoas acredita que o pleito tem a capacidade de melhorar o país.

Quando questionados se "a eleição tem o potencial de mudar o país para a melhor", 46% dos entrevistados concordaram plenamente, 24 % concordam em parte, 20% afirmaram discordar completamente, 8% disseram discordar em parte, 1% se afirmou ser indiferente e 1% não soube responder.

Em relação ao poder do voto, 69% dos participantes da pesquisa afirmaram concordar totalmente que "o voto de cada brasileiro importa". Neste mesmo quesito, 16% concordaram em parte, 9% discordaram totalmente, 5% discordaram em parte, 1% se manifestou como indiferente, e 1% não soube responder.

Entre os eleitores, 45% se dizem pessimistas ou muito pessimistas com a eleição para presidente da República de 2018. Quando questionados sobre os motivos, 30% dos eleitores responderam que a corrupção é a principal razão para o pessimismo, 19% não confiam mais no governo e nos candidatos, afirmaram 16% não ter opções entre os atuais pré-candidatos, 11% das pessoas entrevistadas apontaram a falta de renovação entre os candidatos como razão. Outros 7% afirmaram que o motivo é que os políticos não fazem nada pela população e não cumprem as suas promessas, 4% citaram problemas econômicos e sociais, 3% apontaram medo da situação piorar, 6% não souberam apontar as razões para o pessimismo, e outros 10% apontaram outras razões.

A pesquisa foi realizada no mês de junho, com a participação de 2 mil eleitores.  A margem de erro máxima estimada é de 2 (dois) pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Do Portal Bahia Notícias

Nenhum comentário: