BRASILGÁS

BRASILGÁS

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 18 de julho de 2018

No retorno do Brasileirão, Vitória vence o Paraná no Barradão

Não convenceu, mas venceu. Mesmo após a Intertemporada com a parada para a Copa do Mundo, o Vitória não conseguiu atingir o futebol esperado pela torcida na volta do Brasileirão, nesta quarta-feira (18). Porém, o Rubro-Negro fez seu dever de casa e derrotou o Paraná, no Barradão, por 1 a 0.
O único gol da partida foi marcado ainda no primeiro tempo, por André Lima. Apesar da maior posse de bola durante todo o jogo, o time baiano pouco assustou o adversário e até sofreu apuros em parte da segunda etapa.
Apesar dos problemas, o triunfo de grande importância. O Leão foi aos 15 pontos ganhos, abriu três da zona de rebaixamento e subiu para a 12ª colocação.
A vitória também serviu para dar confiança aos comandados de Vagner Mancini já pensando no clássico de domingo (22). O BAVI será realizado às 16h, na Arena Fonte Nova, com torcida única do rival.
O JOGO
O Vitória assustou logo aos dois minutos. Em jogada ensaiada, Bryan cobrou falta na área, Kanu desviou de cabeça e Thiago Rodrigues fez bela defesa.
Mas, apesar do lance de perigo logo no início, a partida seguiu de outra forma nos minutos seguintes. Poucas jogadas de criatividade e muitas tentativas de ligação direta da defesa ao ataque frearam a empolgação da torcida com o time.
Como o Paraná também não buscou o jogo, o Vitória não levou sustos. Porém, o gol só saiu em um lance de bola parada.
Aos 34 minutos, após cobrança de falta na área, Jeferson mandou o chute e acertou a trave. No rebote, André Lima só teve o trabalho de empurrar a bola para as redes e abrir o placar.
Já aos 40 minutos do primeiro tempo, o Leão ainda teve chance de aumentar. Após a zaga afastar cruzamento na área, Lucas Fernandes aproveitou a sobra e arriscou o chute. Thiago Rodrigues salvou mais uma vez.
No segundo tempo, o Vitória voltou melhor e teve um pênalti não marcado aos dez minutos. Após bola levantada na área, André Lima foi agarrado pelo marcador, mas o árbitro mandou seguir.
Após o lance, o Vitória só voltou a assustar aos 29. Em contra-ataque, Wallyson partiu sozinho com a bola dominada, mas na hora do chute se atrapalhou e foi cortado pelo zagueiro.
A resposta do Paraná veio aos 34 minutos. Após bola levantada na área, Silvinho desviou de cabeça e Aderllan salvou em cima da linha.
Na parte final da segunda etapa, o Vitória sofreu pressão do time paranaense, mas garantiu o triunfo em casa.
Vitória 1 x 0 Paraná
Brasileirão Série A – 13ª rodada
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data e Horário: 18/07/2018, às 21h
Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF). Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Ciro Chaban Junqueira (DF). Assistentes adicionais: Vanderlei Soares de Macedo (DF) e Christiano Gayo Nascimento (DF)
Cartões amarelos: Rayan, Carlos Eduardo (PAR); André Lima, Arouca (VIT)
Gols: André Lima (VIT)
Vitória
Elias; Jeferson (Cedric), Kanu, Aderllan e Bryan; Arouca, Fillipe Soutto, Guilherme (Willian Farias) e Lucas Fernandes; Luan (Wallyson) e André Lima. Técnico: Vagner Mancini.
Paraná
Thiago Rodrigues; Junior, Charles, Rayan e Igor; Alex Santana, Leandro Vilela e Carlos Eduardo; Silvinho, Thiago Santos e Léo Itaperuna (Raphael Alemão). Técnico: Rogério Micale.
Do Portal Galáticos Online/Foto: Maurícia da Matta / EC Vitória

Nenhum comentário: