BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sábado, 9 de junho de 2018

Bandidos assaltam a Tribuna da Bahia e roubam R$ 15 mil

Pelo menos quatro homens roubaram o jornal Tribuna da Bahia na madrugada deste sábado (9), na Rua Djalma Dultra. Segundo a informação de populares, os bandidos levaram a quantia de R$ 15 mil que seria destinado ao pagamento dos motociclistas que fazem a entrega do jornal. Dois vigilantes foram feitos reféns – um de um posto combustível vizinho e o outro, do próprio no jornal, que foi espancado pelos criminosos.
Os bandidos levaram ainda uma CPU do sistema de monitoramento do prédio. Na fuga, eles deram de cara com uma viatura da Polícia Militar (PM) e houve uma intensa troca de tiros. Ainda de acordo com populares, um dos bandidos foi ferido.
Nenhum dos funcionários da Tribuna da Bahia quis falar com a equipe do Correio. Mas, segundo moradores e comerciantes do entorno do jornal, o assalto aconteceu pouco depois das 2h. Os bandidos chegaram em dois carros. O primeiro parou em frente ao jornal e rendeu o único vigilante do prédio que trabalha desarmado. O outro carro estacionou defronte ao posto de combustível Menor Preço, que fica ao lado do jornal, e fez também refém  o vigilante.
Os bandidos levaram os vigilantes para um dos andares do prédio. “Nós não sabemos exatamente para qual andar, mas soubemos que os R$ 15 mil era para o pagamento dos motoqueiros que fazem a entrega dos jornais e que o vigilante do jornal foi espancado por alguns minutos. Levou murros, chutes e coronhadas. Ele chegou até a desmaiar”, contou um dos moradores.
Para dificultar a investigação policial, os criminosos levaram a CPU do sistema de monitoramento do prédio, que ficava exposto na recepção.
Tiros
Por volta das 3h, os bandidos deixavam o jornal quando foram surpreendidos para uma viatura da PM. “Com certeza, alguém viu a movimentação e ligou pra polícia. Só  pode. A PM chegou na hora e atirando”, relatou outro morador. “Foi muito tiro. Acordei em pânico”, disse uma comerciante que também mora na região.

As marcas da violência não estavam somente estampadas nos rostos apavorados dos poucos funcionários que estavam no jornal no início desta manhã deste sábado. “Eu não sei de nada”, disse um deles. No estacionamento do posto de combustível, um GM Corsa teve um dos vidros perfurado por uma bala durante o confronto. ” O carro dorme aí toda a noite e é do dono de uma oficina”, disse um frentista sem dar mais detalhes.
Um rapaz que mora em frente  a  Tribuna da Bahia disse ao CORREIO que os vigilantes deixaram o prédio na hora do confronto. “O rapaz que trabalha no jornal, morador  de Paripe, saiu cambaleando e foi levado às pressas para uma unidade médica quando a situação se normalizou”, contou.
Em nota, a PM informou que, por volta das 3h, policiais da 58ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Cosme de Farias) foram informados pelo Centro Integrado de Comunicação da Secretaria de Segurança Pública (Cicom), que homens armados estavam roubando funcionários do jornal Tribuna da Bahia.
Ainda segundo a polícia, no local, os PMs foram recebidos por disparos de arma de fogo, no revide um dos criminosos foi atingido, mas conseguiu fugir em uma motocicleta, juntamente com outros comparsas. Policiais da 2ª CIPM (Barbabalho) também estiveram no local e, ainda de acordo com a polícia, foram informados que durante o roubo o porteiro da empresa foi atingido com coronhadas na cabeça sendo socorrido por agentes do Serviço Móvel de Urgência (Samu) para o hospital público. Não há informações sobre o estado de saúde da vítima, e nem do valor subtraído. A PM realizou rondas na região, mas ninguém foi preso.
Do Portal CN/Fonte:Correio24horas/Foto: Bruno Wendel/CORREIO

Nenhum comentário: