BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Ex-presidente da Coreia do Sul é condenada a 24 anos de prisão por corrupção

A ex-presidente deposta da Coreia do Sul Park Geun-hye | Foto: Jung Yeon-je / AFP Photo
A ex-presidente deposta da Coreia do Sul Park Geun-hye | Foto: Jung Yeon-je / AFP Photo
A ex-presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye, foi condenada nesta sexta-feira (6) por um tribunal de Seul a 24 anos de prisão pelo seu envolvimento no caso de corrupção da “Rasputina”, que culminou com sua cassação em janeiro de 2017. 

De acordo com o G1, a sentença, que foi transmitida ao vivo pela TV, considera comprovada que a ex-presidente conservadora e sua amiga Choi Soon-sil, conhecida como a “Rasputina”, criaram um esquema para extorquir dinheiro de grandes empresas, como Samsung, Hyundai e Lotte. 

Park, de 66 anos, foi considerada culpada por 16 das 18 acusações de abuso de poder, suborno e coerção e ainda foi multada em US$ 17 milhões. “A presidente abusou do poder que foi dado a ela pelos cidadãos”, afirmou o juiz, que ressaltou ainda que sua sentença era necessária para se mandar uma mensagem para os próximos governantes do país. 

A procuradoria havia pedido 30 anos de prisão, de acordo com a CNN. A defesa de Park deve apelar da sentença.

Do Portal NS

Nenhum comentário: