BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

terça-feira, 3 de abril de 2018

Democracia: Por aclamação, Ricardo Lima é eleito novo presidente da FBF

Mais uma vez, a democracia falou mais alto em uma Assembleia Geral Eleitoral da Federação Bahiana de Futebol. Foi realizada, na tarde desta terça-feira (3), a eleição para os cargos de presidente, vice-presidente, membros do Conselho Fiscal, efetivos e suplentes da entidade para o quadriênio 2019-2023. 
A eleição aconteceu no Salão Jade do Wish Hotel da Bahia, no Campo Grande, em Salvador. Lá estiveram presidentes  de clubes profissionais e das Ligas Municipais, além de profissionais da imprensa.
 
Os filiados lotaram o local em uma demonstração de que todo o processo foi conduzido da forma mais transparente e democrática possível.
A Assembleia Geral da FBF contou com a presença de 118 filiados
O edital de convocação havia sido publicado no Jornal Correio, nas edições dos dias 26, 27 e 28 de março, onde também foi informado o prazo para inscrição de chapas, encerrado há cinco dias da data da Assembleia.
 
Apenas uma chapa se inscreveu, encabeçada pelo atual vice-presidente da FBF, Ricardo Nonato Macedo de Lima, e o candidato à vice-presidente, Manfredo Lessa Pinto, denominada "Modernidade e Seriedade na Gestão do Futebol Baiano".
 
A Assembleia foi aberta em primeira e segunda convocação, às 14h e às 14h30, respectivamente, pelo presidente Ednaldo Rodrigues. O dirigente passou o comando da reunião para o advogado, consultor jurídico da Confederação Brasileira de Vôlei e Confederação Brasileira de Basquete e membro da Câmara Nacional de Resolução de Disputas da CBF, Vantuil Gonçalves Júnior.
Vantuil Gonçalves Júnior conduziu a cerimônia no Wish Hotel da Bahia

Vantuil Gonçalves leu todo o edital e declarou aberta a votação. Porém, o presidente da Liga Maragojipana de Futebol, José de Almeida, pediu a palavra para propor ao colégio eleitoral a realização de eleição por aclamação, por ter uma única chapa na concorrência. A proposição foi aceita por unanimidade, com base no artigo 44 do Estatuto da Entidade, que diz que quando houver apenas uma chapa é permitida a eleição por aclamação. Estiveram presentes 117 dos 145 filiados com direito a voto, entre Ligas e clubes, além do representante dos jogadores profissionais de futebol, Lídio Chacon Julião, da Jacuipense, indicado pela maioria dos clubes integrantes da Séria A, em um total de 81% do colegiado. 
 
Sob aplausos, Ricardo Lima e Manfredo Lessa foram eleitos para comandar a entidade máxima do futebol baiano entre 16 de janeiro de 2019 e 16 de janeiro de 2023. Também foram eleitos os membros efetivos do Conselho Fiscal da entidade, Carlos Alberto Ventura Ferreira, Jorge Luiz Andrade Santos e Wildbergue José Andrade dos Santos; e os membros suplentes Neomar Amorim Santos e José Piedade Campos.
 
Após a aclamação, os dirigentes agradeceram o apoio maciço dos filiados. Atual presidente, Ednaldo Rodrigues, que aceitou convite para concorrer ao cargo de vice-presidente na chapa de Rogério Caboclo na eleição da CBF, se emocionou com o apoio e enalteceu a confiança dos clubes e Ligas na continuidade da sua equipe de gestão à frente da FBF.
 
A chapa "Modernidade e Seriedade na Gestão do Futebol Baiano"

"Não tenho palavras para agradecer o apoio de todos vocês, representantes de clubes das Séries A e B, e ligas do futebol baiano. Só Deus para que possa continuar iluminando o passo de cada um de vocês filiados", afirmou Ednaldo. 
 
Emocionado, Ricardo Lima agradece o apoio maciço dos filiados

Presidente eleito, Ricardo Lima também foi tomado pela emoção ao discursar diante do grande número de filiados. "Eu não vou fazer discurso, hoje vou falar com o coração. Gostaria de agradecer a cada um que está aqui presente. Democracia é isso aqui. É respeitar o direito do voto, respeitar o filiado. Respeitar o projeto de crescimento do futebol. Esse projeto não é de Ricardo, de Manfredo ou Ednaldo. É da Federação Bahiana de Futebol. Não queriam renovação? Ela está aqui. Trocamos 63 por 36. Sou o segundo presidente (de Federação) mais novo do país. Isso é democracia. Sabemos a pressão que os filiados sofreram e nós sofremos juntos. Tínhamos a plena certeza que nenhum de vocês iria recuar. Foi o que aconteceu. De coração, agradeço a todos os filiados, indistintamente. E aos nossos familiares e amigos, que sofreram com a gente. Não caímos de paraquedas na FBF como muitos falam. Todos aqui são conscientes do trabalho que estamos fazendo e iremos desenvolver".
Manfredo Lessa vai continuar ajudando no crescimento do futebol baiano 

Já Manfredo Lessa, assessor jurídico e agora também vice-presidente eleito, destacou a lisura da eleição, que recebeu aprovação da Justiça após a tentativa de uma ação para suspender a assembleia. "A honra é toda minha. Vamos trabalhar juntos para continuar o trabalho do presidente Ednaldo e aprimorar ainda mais o futebol baiano. Essa eleição passou pelo maior crivo possível sobre sua legalidade, que é o do poder judiciário. Entraram com uma ação de 25 páginas cheias de inverdades, afirmações inverídicas. Em cinco horas, nós conseguimos rebater todas elas. Muito obrigado e vamos trabalhar todos juntos".
 
A comissão eleitoral da Assembleia Geral Ordinária foi formada pelo presidente do Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TJDF-BA), Hélio Menezes Júnior; o coordenador de registros e transferências da FBF, Felipe Quadros; e o assessor da presidência da entidade, Silvio Mendes da Paixão Júnior.


Clique aqui e confira a galeria de fotos da Assembleia

Do Portal FBF/Fotos: Carlos Santana / FBF

Nenhum comentário: