Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quinta-feira, 19 de abril de 2018

Caíque brilha, Vitória vence o Inter nos pênaltis e avança na Copa do Brasil

Festa rubro-negra no Barradão. Debaixo de muita chuva, o Vitória foi valente e garantiu a classificação para as oitavas de final da Copa do Brasil. Após a derrota por 2 a 1 no jogo de ida, o Leão venceu o Internacional por 1 a 0, com gol de Neilton, e nos pênaltis eliminou o Colorado por 4 a 3.
A conquista da vaga coroou o goleiro Caíque. Bastante criticado pela torcida desde o início do ano, o arqueiro se redimiu da falha na primeira partida e brilhou ao defender duas cobranças do adversário.
Agora, o Rubro-Negro conhecerá seu adversário na próxima fase nesta sexta-feira (20), em sorteio na sede da CBF.
O JOGO
Vitória e Internacional fizeram um primeiro tempo disputado, sob muita chuva. Aos 11 minutos, o time gaúcho assustou pela primeira vez. 
Pottker tentou por cobertura e Caíque fez a defesa. No rebote, Nico Lopez tentou completar e o goleiro rubro-negro fez boa defesa com o pé.
Aos 34, Leão teve sua melhor chance. Denílson recebeu bola na área, girou sobre o zagueiro e bateu no gol. A bola, que tinha endereço certo, desviou na marcação e saiu na linha de fundo.
Já aos 42, foi a vez de Neilton levar perigo. De fora da área, o atacante chutou colocado e tirou tinta da trave.
Na volta do segundo tempo, foi o Vitória que teve a primeira boa chance. Aos seis minutos, Rhayner chutou forte na área e Lomba fez grande defesa para evitar.
Aos 19, o Rubro-negro assustou mais uma vez. Em bela jogada de contra-ataque, Rhayner lançou Juninho, que levantou a bola na área para o desvio de Denílson, que acertou a trave.
A blitz rubro-negra continuou e, aos 34 minutos, em disputa de bola na área, Denílson foi derrubado por Iago e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Neilton descolocou Lomba e abriu o placar para o time baiano.
O Colorado tentou responder aos 40. De falta, Camilo chutou forte e Caíque se esticou para fazer uma bela defesa e levar a decisão da vaga para os pênaltis.
Nas penalidades, brilhou a estrela do goleiro Caíque. De criticado, o arqueiro pegou duas penalidades e garantiu a classificação do Leão por 4 a 3.
Vitória 1 x 0 Internacional
(Pênaltis: 4 x 3)
Copa do Brasil – 4ª fase (jogo de volta)
Local: Barradão, em Salvador (BA)
Data/Horário: 19/04/2018, às 19h15
Árbitro: Rafael Traci (PR). Assistentes: Ivan Carlos Bohn (PR) e Pedro Martinelli Christino (PR)
Cartões amarelos: Patrick, Pottker, Iago (INT); Yago, Uillian Correia, Rhayner (VIT)
Gols: Neilton (VIT)
Vitória
Caíque; Rodrigo Andrade (Zé Welison), Kanu, Ramon e Juninho; Willian Farias (Nickson), Uillian Correia, Yago (Guilherme Costa) e Rhayner; Neilton e Denílson. Técnico: Vagner Mancini.
Internacional
Marcelo Lomba; Fabiano, Rodrigo Moledo (Klaus), Victor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Gabriel Dias, Patrick e D'Alessandro (Camilo); Nico López e William Pottker (Marcinho). Técnico: Odair Hellmann.
Do Portal Galáticos Online/Fotos: Maurícia da Matta / EC Vitória

Nenhum comentário: