Gravação do DVD de Lívia Carvalho

Gravação do DVD de Lívia Carvalho

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 21 de março de 2018

Marina acusa Bolsonaro de invocar o lado sombrio da política


Durante participação ao programa Se Liga Bocão da Itapoan FM nesta terça-feira (20), a pré-candidata a presidente Marina Silva (REDE), quando provocada a comentar o crescimento do rival, Jair Bolsonaro (PSL), o acusou de invocar o lado sombrio da política brasileira que, segundo ela, não condiz com a cultural do povo do País. 

“Bolsonaro tem a coisa de invocar o lado sombrio da política, a força negativa da alma das pessoas. Eu não acredito nisso. O Brasil já tá no fundo do poço e se prevalecer essa coisa do ódio, nós vamos perder as únicas coisa que pode ajudar a construir algo: a nossa união, nossa paz... A cultura do brasileiro não é essa de ódio. Isso começou com a polarização do PT e PSDB e chegou ao extremo com a figura do Bolsonaro. O povo brasileiro é solidário. Se quiser incentivar que a gente vai fazer guerra com nós mesmo, nós saímos do fundo poço e descemos ainda mais”, disse. 

Sobre Lula, Marina disse acreditar que a lei deve servir para todos independente do político ter dinheiro ou popularidade. A mandatária da Rede crê que a Lei da Ficha Limpa é clara e deve ser colocada em vigor, independente de quem for enquadrado nela. 

Marina também afirmou que não vai para o vale tudo para chegar ao Planalto. “Eu não tenho a lógica de que vale tudo para ganhar uma eleição. Não vale tudo para ganhar uma eleição. Eu sou uma pessoa de realidade simples. Tudo na minha vida foi com muito trabalho e nunca foi dando rasteira em ninguém, graças a Deus. Se eu chegar à presidência da República, eu quero chegar lá pelas mãos dos brasileiros. Não vai ser pela relação do dinheiro e do marqueteiro”.

Do Portal CS

Nenhum comentário: