BRASILGÁS

BRASILGÁS

Aragom Modas

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Defesa afirma que Lúcio Vieira Lima usa o apartamento da mãe como escritório político

O deputado Lúcio Vieira Lima na casa da mãe, Marluce Vieira Lima, em Salvador | Foto: Reprodução
O deputado Lúcio Vieira Lima na casa da mãe, Marluce Vieira Lima, em Salvador, durante conversa com o ex-prefeito de Santaluz, Joélcio Martins e seu filho Joelcinho | Foto: Reprodução
A defesa da família Vieira Lima enviou ao Supremo Tribunal Federal (STF) fotos de encontros do deputado Lúcio Vieira Lima (MDB-BA) com políticos no apartamento da mãe, Marluce, para tentar provar que o imóvel, em Salvador, é usado como representação política. As informações são do site da revista Época. 

Na imagem acima, o parlamentar conversa com um ex-prefeito do interior da Bahia [Joélcio Martins, de Santaluz, acompanhado do filho e ex-candidato a prefeito do município, Joelcinho], segundo a petição protocolada no tribunal. 

De acordo com a denúncia apresentada ao STF pela Procuradoria Geral da República em 2017, reproduzindo declarações do ex-assessor parlamentar Job Ribeiro Brandão, “há secretários de Lúcio Vieira Lima, pagos com o dinheiro público, que trabalham na casa dela [Marluce] para ela, e não, como seria o correto, na representação do parlamentar em sua base eleitoral”. 

A defesa da mãe de Lúcio e do ex-ministro Geddel Vieira Lima tenta, com a série de imagens, demonstrar a improcedência das acusações de Brandão, afirmando que o apartamento serve como escritório político do deputado. Na denúncia, a chefe do Ministério Público Federal, Raquel Dodge, pediu a prisão domiciliar de Marluce.

Do Portal NS

Nenhum comentário: