Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

terça-feira, 13 de fevereiro de 2018

Abandonados, animais tem vida de sofrimento nas ruas de Barrocas

Foto: Rubenilson Nogueira
São vários animais vivendo abandonados nas ruas em todo país, em Barrocas não é diferente. Sem abrigo, esses animais buscam locais diversos para se protegerem do frio, debilitados e sem os cuidados básicos de higiene, por suas aparências sujas e debilitadas, são retirados das imediações de estabelecimentos comerciais e residências, muitas vezes acabam agredidos para não retornarem.

Quando filhotes, todos os cuidados, fotos postadas nas redes sociais, carinho, amor. Mas quando crescem muitos cães e gatos acabam abandonados nas ruas por seus antigos donos. Talvez eles não sejam mais tão fofinhos como antes, mas continuam necessitando de água, comida e cuidados especiais.

Em Barrocas, apesar de algumas campanhas de conscientização voltadas a alertar a população para a proteção desses animais, não há entidades que protejam e recebam animais de rua. Próximo à estação, após a assinatura de um TAC junto ao Ministério Público, a Prefeitura Municipal através da Secretaria de Agricultura implantou um comedouro e um bebedouro, mas dificilmente os animais encontram água limpa e comida.

Nesta terça-feira (13) flagramos um cão muito magro perambulando pelas ruas da cidade, há três dias outra moradora enviou fotos de outro cão que vive nas ruas. Na sexta-feira (09) uma senhora denunciou que gatos estão sendo envenenados próximo ao Colégio Municipal. Todos os bichos que vivem abandonados e sofrem maus-tratos nas ruas, estão em fase adulta. Duas versões podem explicar a situação, ou foram abandonados após crescerem, ou são resultado de procriação desordenada. Diminuir estes casos depende muito de ações do Poder Público, isso é fato, mas precisamos principalmente da conscientizar da população.

@ Nossa Voz – Por Rubenilson Nogueira

Nenhum comentário: