Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Vitória atropela o Palmeiras e pula fora do rebaixamento

O óleo urgido aplicado ontem à noite pelo rubro-negro Mateus Menezes nas dependências do Barradão, mostrou a eficácia imaginada, e quando essa providencia divida foi somada ao bom futebol apresentando pelo Esporte Clube Vitória nesta quarta-feira, finalmente o Estádio Manoel Barradas Carneiro foi finalmente libertado quando após uma seqüência de fracassos no seu equipamento, depois 93 dias sem triunfos em casa e 23 rodadas dentro do Z4, venceu o Palmeiras pelo placar de 3 x 1, em um autentico atropelo como profetizou o Presidente Agenor Gordilho.
Um resultado fundamental, imprescindível que chega para colaborar decididamente com as pretensões do clube em escapar da zona de rebaixamento e encaminhar sua permanência da primeira divisão do nacional, cenário que foi colocado em dúvida deste a primeira rodada da competição pela campanha ridícula posta em pratica pela equipe rubro-negra.
Com o resultado, o Esporte Clube Vitória contabiliza 38 pontos e assume a décima sexta posição, dois pontos além do primeiro listado no Z4, beneficiado pela derrota do Sport-PE para o Botafogo lá no Recife pelo placar de 2 x 1.
Com mais vibração e, acima de tudo, muita vontade de vencer, o Vitória foi para cima do Palmeiras para honrar a promessa do presidente e atropelar. E foi isso que aconteceu no 1º tempo. Um atropelo rubro-negro, abrindo 2 a 0 de forma rápida com Yago e Santiago Tréllez, aos 5 e 14 minutos. 
O gol do palmeirense Dudu aos 19 minutos até assustou e preocupou o torcedor atormentado pelo já conhecido fantasma do Barradão. No entanto, aos 39 veio à calmaria com Yago marcando o terceiro e no segundo tempo, o Leão controlou o jogo, administrou a pequena pressão paulista e ao fim de 90 minutos vence o jogo e quebra uma sequência de 8 anos sem vencer o Palmeiras no Campeonato Brasileiro.
Agora arruma as malas e parte para o Rio do Grande sem entusiasmos de momento, mas levando todas as esperanças de num novo triunfo, agora contra o Grêmio, que pode valer para a consolidação do clube longe do tormento do Z4 e muito próximo de renovar o alvará de funcionamento para o exercício 2018 na condição e status de time de Serie A. Para o jogo contra os gaúchos, o Leão não terá o atacante Yago pelo terceiro cartão amarelo e Uillian Correa expulso hoje à noite.
Do Portal Futebol Bahiano

Nenhum comentário: