BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Presidente do Comitê Olímpico Brasileiro e ex-diretor são presos em operação que investiga fraudes na escolha da Rio 2016

Carlos Arthur Nuzman | Foto: Reuters
Carlos Arthur Nuzman | Foto: Reuters
O presidente do Comitê Olímpico do Brasil (COB), Carlos Arthur Nuzman, foi preso nesta quinta-feira, 5, pela Polícia Federal, na Operação Unfair Play – Segundo Tempo. Em nota, a PF informou que 20 policiais federais cumprem dois mandados de prisão temporária e seis mandados de busca e apreensão, expedidos pela 7ª Vara Federal Criminal/RJ, na cidade do Rio de Janeiro (Ipanema, Leblon, Laranjeiras, Centro). 

O diretor de operações da Rio 2016, Leonardo Gryner, também é alvo de mandado de prisão. De acordo com informações do repórter Fausto Macedo, do Estadão, a ação desta quinta é um desdobramento da Operação Unfair Play, deflagrada em setembro, contra um esquema de corrupção internacional para a compra de votos para a escolha do Rio pelo Comitê Olímpico Internacional como sede da Olimpíada 2016. 

Segundo a PF, os presos serão indiciados por corrupção, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Em setembro, Nuzman foi alvo de buscas. A Procuradoria da República, no Rio, colocou o presidente do Comitê Olímpico do Brasil no topo de uma ‘engenhosa e complexa relação corrupta’.

Do Portal NS

Nenhum comentário: