Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

segunda-feira, 16 de outubro de 2017

Bandidos sequestram médico para operar traficante baleado

UPA do Compelxo da Maré: médico da unidade foi baleado Foto: Reprodução
UPA do Compelxo da Maré | Foto: Reprodução
Um grupo de bandidos armados sequestrou um médico por volta de 1h da madrugada de domingo (15) dentro da UPA do Complexo da Maré, na Zona Norte do Rio. O profissional foi obrigado a entrar numa ambulância, que foi roubada pelos criminosos, para acompanhar a transferência de um traficante baleado para outra unidade de saúde. 

Cerca de 50 criminosos invadiram a UPA da Maré e exigiram que os profissionais atendessem um bandido que tinha sido baleado em um dos braços. O tiro atingiu uma artéria e seu estado de saúde era extremamente grave. 

Como o ferido precisava de uma cirurgia, os médicos informaram que seria necessário transferi-lo para outra unidade de saúde. Os traficantes, no entanto, queriam levá-lo para outro local, possivelmente um hospital clandestino, utilizando a ambulância da UPA, o que não foi aceito pelos profissionais. 

Os criminosos retiraram o motorista da ambulância, um deles vestiu seu jaleco e assumiu a direção do veículo. Como o estado de saúde do paciente era extremamente grave, levaram um médico junto. O profissional foi liberado pelos bandidos por volta das 7h deste domingo, na Baixada Fluminense. Já a ambulância foi deixada na UPA da Maré por volta das 11h30. O episódio está sendo investigado pela 21ª DP (Bonsucesso).

Do Portal NS/Fonte: Extra

Nenhum comentário: