BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sábado, 2 de setembro de 2017

Filho de ex-prefeito de Santaluz é preso dentro de banco em Salvador junto com grupo acusado de estelionato

Filho de ex-prefeito de Santaluz é preso dentro de banco em Salvador junto com quadrilha acusada de estelionato
Petronilho (esquerda) foi preso dentro de banco em Salvador junto com grupo acusado de estelionato | Foto: Polícia Civil
Quatro homens e uma mulher foram presos em flagrante dentro de uma agência da Caixa Econômica Federal no bairro da Barra, em Salvador, por volta das 12h desta sexta-feira (1º). 

Segundo a polícia, eles são apontados como integrantes de uma quadrilha que vem sendo investigada há seis meses, acusada de falsificar documentos pessoais e abrir contas em bancos para tomar empréstimos. Com a ajuda de um programa de computador, o grupo alterava os dados das vítimas e colocava as fotos dos integrantes da quadrilha. 

A polícia informou que entre os presos estão Paulo Bruno Reis Leite, de 23 anos, acusado de liderar a quadrilha, e Petronilho Oliveira Neto, de 54 anos, que é filho do ex-prefeito de Santaluz Nilton Oliveira Santos, e já tem passagens por ameaça, furto e desacato. Com eles, foram aprendidos celulares e máquinas usadas para a impressão de carteiras de identidade falsificadas. 

O caso foi registrado na 14ª Delegacia de Polícia no bairro da Barra, onde o grupo permanecia custodiado até a manhã deste sábado (2), à disposição da Justiça. Eles devem responder por falsificação de documentos, estelionato e formação de quadrilha. A suspeita da Polícia Civil é de que a organização criminosa seja responsável por golpes aplicados com dados de aposentados para receber pensões e benefícios pagos pela Previdência Social. Por isso, o caso será encaminhado também à Polícia Federal.

Notícias de Santaluz

Nenhum comentário: