BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sexta-feira, 25 de agosto de 2017

Bolt no futebol, e Mendoza do Bahia nos 100 metros rasos?

O meia-atacante Stiven Mendoza, do Bahia, não foi destaque apenas pelos dois gols marcados, mas também pelo primeiro deles onde correu incríveis 75 metros (25 a menos que a prova tradicional do atletismo) a uma velocidade máxima de 41 km/h, algo próximo do que atinge o maior velocista do Mundo, Usain Bolta (43,9 km/h, medalha de ouro nos jogos olímpicos de Pequim), que agora abandonou as pistas recentemente com medalha de bronze para jogar futebol no Borussia Dortmund, notícia confirmada pelo clube alemão.

O fisiologista do Bahia, Maurício Maltez, afirma ter ficado impressionado a distância percorrida e a velocidade atingida por Mendoza, que diz ser acima da média, apesar do colombiano já ser conhecido pela velocidade. "Dessa vez foi um pouco acima do que é normal, porque ele teve uma distância maior percorrida. Quando você tem uma distância maior... Ele conseguiu desenvolver uma velocidade um pouco maior, embora ele seja um atleta que atinge velocidades muito altas", disse.

Teria Mendonza condições para participar dos 100 metros rasos?
"Não passaria vergonha", garante o próprio jogador, brincando com a situação."Posso falar que sou rápido, mas às vezes tem uns caras que estão preparados para correr os 100 metros. Eu ainda tenho que praticar muito, mas vergonha não passaria", garantiu e ainda indagou "Isso foi com a bola no pé. Imagina correndo livre, sem a bola no pé?". Neste domingo, contra o Botafogo, "Speedy Mendoza", como foi apelidado, tentará quebrar sua marca.


Será que Mendoza alcançaria um bom desempenho nos 100 metros? O fisiologista do Bahia acredita que sim, mas frisa que precisaria encontrar a mesma motivação que tem para marcar um gol. "Provavelmente sim, mas ele teria que encontrar os mesmos fatores motivacionais que o futebol possibilita. Você correr atrás da bola na intenção de fazer o gol é diferente de correr simplesmente por correr. Provavelmente sim, mas é uma questão comportamental", finalizou.

Do Portal Futebol Bahiano

Nenhum comentário: