Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quinta-feira, 27 de julho de 2017

Leonardo Amoedo rebate Argel Fucks: 'Incompetente e promovia esbórnia no Vitória'

Leonardo Amoedo rebate Argel Fucks: 'Incompetente e promovia esbórnia no Vitória'
Foto: Maurícia da Matta/ Divulgação / Vitória
Diretor de Controle e Planejamento do Vitória, Leonardo Amoedo rebateu as declarações de Argel Fucks, que o acusou de torcer contra o time e pelo insucesso do treinador (saiba mais aqui). 

O dirigente admitiu que foi contra a renovação de Argel, mas que nunca desejou nada em desfavor do clube. “O Vitória está acima de tudo. Fui contra a renovação de Argel, mas a partir do momento que ele acertou com o Vitória, fiquei torcendo a favor para que tudo desse certo. Como é que um diretor estatutário que trabalha dois turnos no Vitória ajudando no processo de profissionalização do clube vai torcer contra a instituição? Eu lamento muito as palavras dele”, disse Amoedo, em entrevista ao Bahia Notícias. O diretor contra-atacou e acusou Argel de promover “uma esbórnia” com os jogadores regada a cerveja e churrasco toda segunda-feira na concentração do clube. 

“As palavras de Argel refletem bem o que ele é. Uma pessoa desequilibrada e que não era para falar do Vitória, pois ele é treinador do Goiás. Ele é incompetente e promovia esbórnia toda segunda-feira com muita cerveja e churrasco na concentração com os jogadores. Não acompanhava a fisiologia do clube para saber as condições dos jogadores. Não preparava treinos e ainda fazia panela com alguns jogadores em detrimento de outros, o que gerou instabilidade no clube. Ele só entrou duas vezes no setor de inteligência do clube. Nunca parou para analisar o desempenho e os scouts dos jogadores”, afirmou. 

Por fim, Amoedo ainda acusou Argel de querer interferir nas negociações de jogadores e até de querer fazer o papel de gestor de futebol. “Argel tentou interferir na contratação de atletas e fez até negociações com jogadores que tinham altos salários. Tentou trazer um jogador a todo custo. Ele e um ex-funcionário do clube. Vetamos tudo isso e esse jogador não veio”, finalizou.

Do Portal Bahia Notícias/por Glauber Guerra

Nenhum comentário: