Berg da Aragom

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sábado, 8 de julho de 2017

Justiça nega pedido de família para exumar ossada de menina que sumiu em Feira de Santana

Gabrielly Gomes, de 7 anos, desapareceu em janeiro desse ano. (Foto: Reprodução/Facebook
Gabrielly Gomes, de 7 anos, desapareceu em janeiro desse ano | Foto: Reprodução/Facebook
Justiça negou o pedido de exumação da ossada da menina Gabrielly Gomes Santana, de 7 anos, feito pela família da criança no início do mês. Os parentes da garota, que desapareceu em Feira de Santana, em janeiro desse ano, pediram a realização de novos exames periciais porque têm dúvidas se os restos mortais encontrados são mesmo da criança. 

Segundo o G1, o pai da garota, o pedreiro Joilson Santana, disse, ao fazer o pedido de exumação, que a dentição do crânio encontrado pela polícia às margens da Avenida Eduardo Fróes da Mota, no bairro Feira IX, é diferente da que a menina tinha quando desapareceu. 

Ele disse que chegou a essa conclusão após comparar fotos da criança com fotos do Departamento de Polícia Técnica (DPT). O delegado João Rodrigo Uzzum, coordenador da 1ª Coordenadoria de Polícia do Interior (1ª Coorpin) destacou, no entanto, que exames de DNA já haviam comprovado que o crânio é mesmo da menina. 

O Ministério Público da Bahia (MP-BA) também considerou que não há necessidade de exumação dos restos mortais de Gabrielly. Uzzum também afirmou que a polícia ainda continua investigando para saber quem matou a garota.

Do Portal NS

Nenhum comentário: