Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sexta-feira, 23 de junho de 2017

Justiça veta ‘guerra de espadas’ em Senhor do Bonfim e suspende lei que torna prática patrimônio cultural

Guerra de espadas é vetada pela Justiça em Senhor do Bonfim, na Bahia (Foto: Reprodução/TV São Francisco
Guerra de espadas é vetada pela Justiça em Senhor do Bonfim, na Bahia | Foto: Reprodução/TV São Francisco
O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) vetou a realização da tradicional “guerra de espadas” que ocorre durante o período junino na cidade de Senhor do Bonfim, no Recôncavo da Bahia, e ainda suspendeu a lei municipal que tornava a prática um patrimônio cultural e imaterial da cidade. 

Segundo o G1, a decisão, que considerou um pedido feito pelo Ministério Público do estado (MP-BA) foi publicada na edição desta quinta-feira (22) do Diário Oficial da Justiça. Quem descumprir a medida pode ser preso e pagar multa de até R$ 10 mil. 

A associação dos espadeiros do município informou que vai recorrer da decisão. A guerra de espadas havia sido declarada como patrimônio cultural e imaterial da cidade no início de junho, quando a prefeitura sancionou o projeto de lei sobre a prática. 

A medida, no entanto, dividiu opiniões, porque alguns moradores defendem o fim da prática por conta dos perigos de queimaduras nos participantes. No São João de 2016, ao menos 19 pessoas sofreram ferimentos no município.

Do Portal NS

Nenhum comentário: