Berg da Aragom

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Lula e Dilma receberam até US$ 150 milhões em propinas, afirma delação da JBS

Além do presidente Michel Temer e do senador Aécio Neves, a delação da JBS envolve os ex-presidentes Luiz Inácio Lula da Silva e Dilma Rousseff , ministros da atual gestão e governadores de estado. 

No caso dos ex-presidentes, o empresário Joesley Batista e o executivo Ricardo Saud relataram pagamentos em contas no exterior tanto para Lula quanto para Dilma. Segundo O Globo, o saldo dessas contas em 2014 teria chegado a US$ 150 milhões. 

De acordo com Joesley Batista, o ex-ministro Guido Mantega era quem intermediava os pagamentos. Ele teria assegurado ao empresário que os ex-presidentes sabiam dos depósitos milionários. “Os depósitos foram em duas fases: uma do presidente Lula e outra pra Dilma. Foram US$ 70 milhões no de Lula e US$ 80 milhões lá na Dilma. Eu que controlava as contas. Eu tinha uma e depois abri outra. Foi quando a presidente Dilma ganhou”, explicou na delação a procuradores do Ministério Público Federal (MPF), segundo informou o Bahia Notícias. 

O procurador Sérgio Fernandes questiona se Dilma e Lula tinham ciência dos pagamentos, e Joesley responde que sim. “O Lula sabe disso? A Dilma sabe disso? Ele [Mantega] disse: ‘Não, sabe sim, eu falo tudo pra eles’. Passavam uns três meses, eu sempre tirava um extrato da conta pra mostrar pro Guido, e ele dizia que ia mostrar pra Lula e pra Dilma. Ele me dizia: ‘Isso aqui é do Lula, isso aqui é da presidente Dilma. Não me aprofundei se seria do Lula, ou do governo do Lula, do governo da Dilma”, relatou.

Do Portal NS/Foto Lula Marques/Agência PT

Nenhum comentário: