Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Suspeito de atirar em pedreiro em Coité é preso e fala que cometeu o crime ‘por vingança’

Janilton confessou ter atirado no pedreiro e disse que cometeu o crime por vingança | Foto: Divulgação/ Polícia Civil
Segundo a polícia, Janilton confessou ter atirado no pedreiro e disse que cometeu o crime por vingança | Foto: Divulgação/ Polícia Civil
A Polícia Civil de Conceição do Coité prendeu nesta quarta-feira (26) Janildo dos Anjos Santos, de 27 anos, suspeito de atingir com dois tiros na cabeça o pedreiro Romário Oliveira de Jesus, 52, na noite de terça-feira (25) [entenda o caso]. 

De acordo com informações da delegacia da cidade, o homem, que mora na cidade de Cansanção, foi preso na casa dos pais, no distrito de Bandiaçu, em Coité, na mesma região onde aconteceu a tentativa de homicídio, e tentou fugir ao avistar a presença dos policiais. 

Com ele, os agentes encontraram um revólver calibre 32 que teria sido usado para atirar no pedreiro. Segundo a Polícia Civil, Janildo, que é sobrinho da esposa da vítima, confessou no depoimento que cometeu o crime por vingança, alegando que o pedreiro teria feito ‘macumba’ contra os seus pais. 

Por causa disso, conforme a polícia, eles já vinham discutindo há algum tempo. A suspeita inicial era de que uma disputa por herança tivesse sido a motivação do crime, mas a polícia informou que essa possibilidade foi descartada. 

A Polícia Civil informou que, após ser preso, Janildo foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica em Serrinha, onde fez exame residuográfico nas mãos para verificar a existência de resíduos de pólvora, e em seguida foi levado para a Delegacia Territorial de Conceição do Coité, onde prestou depoimento na tarde desta quarta-feira e permaneceu à disposição da Justiça. Ele deverá ser encaminhado para um presídio em Serrinha ou Feira de Santana.
Notícias de Santaluz


Nenhum comentário: