BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

terça-feira, 11 de abril de 2017

Marcelo Odebrecht diz a Moro que o ‘amigo’ Lula recebeu dinheiro em espécie

Marcelo Odebrecht confirma que Lula era o‘Amigo’ na planilha de propinas - Arquivo O Globo
Marcelo Odebrecht confirma que Lula era o‘Amigo’ na planilha de propinas – Arquivo O Globo
O empresário Marcelo Odebrecht confirmou nesta segunda-feira ao juiz Sérgio Moro que “amigo” era o codinome do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na planilha de propinas da empresa. Segundo ele, a entrega de valores a Lula era feita por Branislav Kontic, assessor do ex-ministro Antonio Palocci. 

O empresário confirmou ainda que Palocci intermediava as remessas de dinheiro para o PT e era o “italiano” na planilha de pagamentos da empresa. O ex-ministro Guido Mantega, que sucedeu Palocci no Ministério da Fazenda, também teria passado a ser responsável pela movimentação de recursos para o PT, tendo sido batizado com o codinome de “pós-italiano” ou “pós-itália”. 

Uma das provas de corroboração da denúncia contra Lula, apresentada pela Odebrecht, são duas versões da planilha de repasses ao PT. A primeira versão da planilha, datada de 31 de junho de 2012, traz a informação de que havia R$ 23 milhões à disposição de Lula, identificado pelo codinome “Amigo”. 

A segunda versão, datada de 31 de março de 2014, aponta um saldo de R$ 10 milhões para o mesmo codinome. A diferença de R$ 13 milhões teria sido sacada entre os 21 meses que separam as duas versões da planilha. Os saques para Lula teriam sido identificados na tabela “Programa B”. Marcelo Odebrecht explicou no depoimento desta segunda-feira que “B” é uma referência a Branislav Kontic, que retirava o dinheiro em espécie e entregava ao ex-presidente. 

Em nota, o Instituto Lula afirmou que “Lula jamais solicitou qualquer recurso indevido para a Odebrecht ou qualquer outra empresa para qualquer fim e isso será provado na Justiça. Lula não tem nenhuma relação com qualquer planilha na qual outros possam se referir a ele como ‘amigo'”.

Do Portal NS/Fonte:O Globo

Nenhum comentário: