BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sábado, 22 de abril de 2017

Bahia despacha o Fluminense e espera o Vitória na final

Tudo dentro dos conformes, sem percalços ou imprevistos e respeitando a lógica, desta forma o Esporte Clube Bahia passou novamente pelo Fluminense de Feira neste sábado na Arena Fonte Nova e carimbou de forma tranquila o passaporte à grande final do Campeonato Baiano e agora faz o papel de telespectador aguardando de frente da TV o adversário que sai do confronto entre os dois Vitórias, de Salvador e de Conquista, que será definido no domingo. 

O Esquadrão, mesmo com a ótima vantagem construída no jogo de ida, 3x0 no estádio Joia da Princesa, confirmou o enorme favoritismo ainda que se mostrando um tanto quanto desinteressado, algo previsível pelo conforto, e aplicando um 1x0 tímido no Flu, único gol assinalado pelo brocador Hernane, portanto, avança em busca do seu 47º título estadual.

O primeiro tempo não foi de encher os olhos. Com larga vantagem, o Bahia controlou a partida sem se esforçar muito, enquanto o Flu de Feira não demonstrou em nenhum momento capacidade para superar o Esquadrão. Nem mesmo a expulsão do lateral do Flu, Edson Souza, aos 29 minutos, mudou muito o cenário do embate. Apesar da superioridade numérica, o Tricolor se manteve cauteloso, mas conseguiu abrir o placar com um belo gol do brocador Hernane aos 31 minutos mostrando calma e categoria para se livrar de dois zagueiros e deslocar o goleiro Jair.

O jogo que já era morno no primeiro tempo, teve ritmo ainda menor no segundo tempo e seguiu sem muita inspiração e com poucas emoções, um lampejo aqui, outro ali, mas nada que se tirasse proveito. O Tricolor administrando o resultado e o Fluminense já entregue em campo, ambos ansiosos para o juiz apitar logo o final da partida. 

Diga-se, o fato de maior destaque na etapa final foi as vaias de parte da torcida do Bahia direcionadas ao lateral Pablo Armero toda vez que o colombiano tocava na bola. Mesmo a vantagem numérica (no placar e no campo devido a expulsão) para o time de Guto, o placar permaneceu intacto. 1x0 no segundo duelo e 4x0 no placar agregado.  

Com a classificação assegurada, o Bahia muda o foco e já pensa em outra decisão, agora pela primeira batalha da semifinal da Copa do Nordeste quando nesta quinta-feira (dia 27), às 20h30, encara o Vitória no estádio Manoel Barradas Carneiro. A partida de volta e decisiva acontece dia 30, na Arena Fonte Nova. Quem avançar, bate testa com o vencedor de Sport-PE e Santa Cruz.

Do Portal Futebol Bahiano

Nenhum comentário: