Prêmio Fama

Prêmio Fama

Lucas Chicabana

Lucas Chicabana

BERG ARAGOM NOVO

BRASILGÁS

BRASILGÁS

Banner do Futsal Barbarense

Banner do Futsal Barbarense

Entec Informática

Entec Informática

Robério Transportes

Robério Transportes
NÃO PERCA ESTA OPORTUNIDADE!

VENDE-SE UM TERRENO MEDINDO 11 TAREFAS. TABULEIRO ÓTIMO PARA CHÁCARA PRÓXIMO À CAIXA D'ÁGUA EM BANDIAÇU, CONCEIÇÃO DO COITÉ-BA, COM ÁGUA ENCANADA, ENERGIA ELÉTRICA E INTERNET PRÓXIMAS.

CONTATOS: (71) 99296-1175 (75) 99819-7823, 98124-9844 (Evódio), 99121-4433 e 98155-9060.

sábado, 22 de abril de 2017

Bahia despacha o Fluminense e espera o Vitória na final

Tudo dentro dos conformes, sem percalços ou imprevistos e respeitando a lógica, desta forma o Esporte Clube Bahia passou novamente pelo Fluminense de Feira neste sábado na Arena Fonte Nova e carimbou de forma tranquila o passaporte à grande final do Campeonato Baiano e agora faz o papel de telespectador aguardando de frente da TV o adversário que sai do confronto entre os dois Vitórias, de Salvador e de Conquista, que será definido no domingo. 

O Esquadrão, mesmo com a ótima vantagem construída no jogo de ida, 3x0 no estádio Joia da Princesa, confirmou o enorme favoritismo ainda que se mostrando um tanto quanto desinteressado, algo previsível pelo conforto, e aplicando um 1x0 tímido no Flu, único gol assinalado pelo brocador Hernane, portanto, avança em busca do seu 47º título estadual.

O primeiro tempo não foi de encher os olhos. Com larga vantagem, o Bahia controlou a partida sem se esforçar muito, enquanto o Flu de Feira não demonstrou em nenhum momento capacidade para superar o Esquadrão. Nem mesmo a expulsão do lateral do Flu, Edson Souza, aos 29 minutos, mudou muito o cenário do embate. Apesar da superioridade numérica, o Tricolor se manteve cauteloso, mas conseguiu abrir o placar com um belo gol do brocador Hernane aos 31 minutos mostrando calma e categoria para se livrar de dois zagueiros e deslocar o goleiro Jair.

O jogo que já era morno no primeiro tempo, teve ritmo ainda menor no segundo tempo e seguiu sem muita inspiração e com poucas emoções, um lampejo aqui, outro ali, mas nada que se tirasse proveito. O Tricolor administrando o resultado e o Fluminense já entregue em campo, ambos ansiosos para o juiz apitar logo o final da partida. 

Diga-se, o fato de maior destaque na etapa final foi as vaias de parte da torcida do Bahia direcionadas ao lateral Pablo Armero toda vez que o colombiano tocava na bola. Mesmo a vantagem numérica (no placar e no campo devido a expulsão) para o time de Guto, o placar permaneceu intacto. 1x0 no segundo duelo e 4x0 no placar agregado.  

Com a classificação assegurada, o Bahia muda o foco e já pensa em outra decisão, agora pela primeira batalha da semifinal da Copa do Nordeste quando nesta quinta-feira (dia 27), às 20h30, encara o Vitória no estádio Manoel Barradas Carneiro. A partida de volta e decisiva acontece dia 30, na Arena Fonte Nova. Quem avançar, bate testa com o vencedor de Sport-PE e Santa Cruz.

Do Portal Futebol Bahiano

Nenhum comentário: